Pular para o conteúdo principal

Rio do Colégio

Com corredeiras, quedas e água limpa, o rio do Colégio corta toda a região serrana do Itacolomi, formando belíssimas cachoeiras no seu percurso, como as do Recreio e do Oriente, que oferecem aos visitantes balneários que são verdadeiros paraísos. O seu curso em vários trechos também apresenta diversas corredeiras, perfeitas para a prática de esportes radicais.

 

Parque Estadual do Desengano

Localizado na região serrana do município e fazendo divisa com Campos dos Goytacazes e Santa Maria Madalena, se encontra apenas 35 Km da sede do centro da cidade. Além de possuir inúmeros atrativos paisagísticos, a sua maior peculiaridade é o conjunto de diversos habitats existentes principalmente nas Serras do Itacolomi e Bela Joana, assim como nas localidades de Poço Parado, Barra Alegre e Morumbeca.

Um dos últimos refúgios da vida selvagem mais ricos e mais ameaçados do planeta (chamado de “hotspots” pelos cientistas), o Parque Estadual do Desengano por possuir uma alta biodiversidade é apreciado e frequentado pelos amantes do turismo ecológico.

Igreja Matriz de São Fidélis

Erigida pelos frades Capuchinos da Ordem de São Francisco de Assis, a Igreja Matriz de São Fidélis é um valioso exemplar da nossa arquitetura religiosa, apresentando em seu majestoso estilo tendências barrocas e românticas.

A sua construção em forma de cruz relembra a Basílica de São Pedro em Roma. Em 1809, foi realizada a primeira missa. O prédio foi tombado pelo INEPAC no ano 2002.

Serra da Bela Joana

Mais um ponto turístico natural do município. É muito procurada pelo clima tropical de altitude (frio) e a vegetação variada que nela se encontra. A cascata da Bela Joana é o atrativo principal da serra.

Solar Barão de Vila Flor

Datado de 1847, o Solar do Barão foi construído para atender aos interesses particulares do então fazendeiro João Manoel de Souza, que almejava um título de nobreza “De Vila Flor”, que só conseguiria através do Imperador Pedro II.

A construção do solar oportunizou a visita do Imperador, que elevou São Fidélis à categoria de Vila. O prédio foi doado à municipalidade em 1957, sendo tombado pelo INEPAC em 2002. Suas dependências são usadas pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, onde funcionam a Biblioteca Municipal “Corina Peixoto de Araújo”, o Memorial “Terra de Luz”, o Telecentro (biblioteca virtual) e o Centro Comunitário de Internet.

Ponte Metálica

Beleza única na região pela sua estrutura metálica de origem inglesa, a ponte sobre o rio Paraíba do Sul foi construída em 1889 para atender o transporte ferroviário da região. Hoje, se encontra voltada para o tráfego de pedestres e ciclistas, ligando o 1.º ao 2.º distrito (Ipuca) num vão de 500 metros de extensão.

Monumento aos fundadores

Situado no centro da cidade, o monumento aos Frades Capuchinhos Ângelo Maria de Lucca e Victório de Cambiasca foi inaugurado em 1940.